FANDOM


Principal Galeria

Yakusoku no Neverland  (約束のネバーランド,  The Promised Neverland; traduzido literalmente como A Prometida Terra do Nunca) é um mangá escrito por Kaiu Shirai e desenhado por Posuka Demizu. É publicado na Weekly Shonen Jump desde Agosto de 2016.

SinopseEditar

Emma e seus amigos possuem uma excelente vida no orfanato que cresceram. Embora as regras sejam restritivas, a cuidadora é gentil. Mas por que as crianças são proibidas de saírem...?

EnredoEditar

A história começa mostrando o cotidiano de Emma, uma garota orfã de 11 anos que vive em um orfanato chamado Grace Field House. Ela, junto com todas as crianças, são cuidados por uma caridosa mulher que eles chamam de Mama, que cuida e ama todos eles. Em seu dia a dia, as crianças tomam café, fazem os Testes de Inteligência, brincam pelo quintal e pela floresta que rodeia o orfanato. A única proibição é que eles não podem ir ao portão.

As crianças esperam ansiosamente para o dia que forem adotadas e saíssem do orfanato, para conhecer o "mundo exterior". Quando uma criança completa 12 anos, ela sai do orfanato. Conny, uma menina querida por todas, será adotada, então ela se despede de todos e vai embora com mama. Porém, ela "esquece" seu coelinho de pelúcia no orfanato, então Emma e seu amigo Norman vão até o portão, quebrando a regra, para entregá-lo, mas o que eles encontram é o corpo sem vida de Conny.

Eles descobrem a dura realidade: o orfanato é, na realidade, uma fazenda de carne humana para seres que eles se referem como Demônios e que eles são os produtos, para piorar, aquela que eles chamavam de mãe sabia de tudo e cooperava. Os dois conseguem sair de lá sem serem vistos e começam a planejar uma ousada fuga do orfanato junto com todos os seus irmãos, para escaparem de seu destino.

ArcosEditar

Processo de CriaçãoEditar

Após se formar em uma universidade, Kaiu Shirai trabalhava em uma companhia, que não possuía nenhuma relação com mangás. Antes de Yakusoku no Neverland ser desenvolvido, ele tentou criar várias histórias, mas todas foram rejeitadas. Ele pensou em desistir, dizendo a si mesmo que não tinha talento como Mangaká, porém acabou tentando uma última vez, fazendo uma história chamada "Neverland", apenas para saber se sua história era boa ou ruim, como as anteriores que tinha preparado. Como não havia conseguido resumí-la, acabou preparando 300 páginas, uma quantidade gigantesca.

Takushi Sugita, o editor atual da série, estava no projeto com Kaiu, antes de Posuka Demizu entrar. O editor também foi responsável por unir a dupla, testando eles juntos com um One-Shot chamado Popy's Wish. Segundo ele, "os dois se apaixonaram um pelo outro". Posuka se encontrou com Kaiu, ele leu o script inteiro de uma só vez. Posuka costumava ficar bastante entediado enquanto lia scripts, mas ele disse que todas as 300 páginas eram tão interessantes que ele não podia parar. 

Shirai se apaixonou pela arte de Posuka, assim como Posuka se apaixonou pela escrita de Shirai. O autor já conhecia a arte do desenhista antes disso e explicou o que mais gostava na arte dele, ficando muito feliz quando ele desenhou seu One-Shot, pois o resultado ficou melhor do que ele esperava.

Naquela época, Shirai era um completo desconhecido. Por isso, foi difícil convencer a Jump a dar uma chance para a dupla, mas Demizu confiava no talento de seu parceiro. O autor planejava, desde aquela época, deixar outra pessoa desenhar, pois mesmo conseguindo desenhar sozinho, os editores achavam que seus desenhos não faziam justiça ao enredo que ele preparou e que ele não conseguiria fazer uma série boa cuidando tanto do roteiro quanto da arte. The Promised Neverland não era algo planejado para a Jump, então era difícil decidir junto com o editor quais partes deveriam ficar e quais deveriam sair. Algumas partes do enredo não se encaixavam na Jump, mas Shirai não queria tirar elas de jeito nenhum. Quando a recepção do One-Shot saiu, sendo razoavelmente aceito, ele pôde prosseguir com sua visão.

RecepçãoEditar

Antes mesmo de estrear, o mangá já era muito aguardado pelo público pelo fato de seu ilustrador ser Posuka Demizu, bastante conhecido na internet pelos japoneses. Com o lançamento do 1º capítulo, vários fóruns japoneses, como o 2ch, amaram a série, mas ficaram com medo de apoiá-la, pois não fazia o estilo das séries da Weekly Shonen Jump.
Loja vendendo volumes de YNN

Loja japonesa animateshibuya fazendo promoção de Yakusoku no Neverland e de outros materiais desenhado por Posuka.

Yakusoku no Neverland foi a única de sua leva que foi um verdadeiro acerto para a Shonen Jump, ganhando uma página colorida cedo (Capítulo 10), mostrando a confiança dos editores na série. O primeiro volume teve vendas surpreendentes, inclusive superando as vendas de séries que já estavam na revista, como Hinomaru Zumou. As vendas continuaram altas nas semanas seguintes.

Atualmente, foi a 2ª série novata de 2016 que obteve o maior número de vendas por volume, com o 1º lugar ficando para Yuragisou no Yuuna-san, um mangá ecchi. A série já foi recomendada pelo autor de Kochikame, um mangá com  200 volumes, que foi publicado durante 40 anos. Ele chamou a série de "melhor trabalho de suspense".[1] Recentemente, se tornou um candidato no Manga Taishou de 2017.

ComentáriosEditar

Eu apenas espero que todos vocês aproveitem! (Kaiu) Esse dia... Será celebrado como um aniversário nos anos futuros. (Posuka)

—Edição 35 de 2016, serialização da série.

Mais uma vez, é um prazer compartilhar meu trabalho com vocês. Por favor, chequem o One-Shot na Jump+ também

—Kaiu - Edição 36-37 de 2016

É fantástico pensar que minha série acabou parando na mesma revista que Bleach, que eu lia durante o Ensino Médio

—Posuka - Edição 38 de 2016, encerramento de Bleach

Esses episódios de Sanada Maru estão empilhando que nem louco. WSJ e Sanada Maru me impressionam porque eles conseguem produzir material novo semanalmente.

—Kaiu - Edição 39 de 2016

Tanto Xadrez quanto Shogi foram feitos na Índia. Eu quero ir para Índia!

—Posuka - Edição 40 de 2016

Aqueles pequenos mosquitinhos que passaram pela minha tela de inseto agora estão morrendo em cima do meu Storyboard. Isso é realmente um problema

—Kaiu - Edição 41 de 2016

Eu amo Kyouka-San! Sensei, e Ryou-San, obrigado por me trazer diversão todas as semanas. (Kaiu) Mas que fantasticamente incrível conclusão! Akimoto-Sensei, você é apenas sensacional.

—Posuka - Edição 42 de 2016, encerramento de Kochira Katsushika-ku  Kameari Kouen-Mae Hashutsujo (Kochikame)

Eu gosto de convidar pessoas todos os dias... Mas agora eu tenho que limpar todos os dias também!

—Posuka - Edição 43 de 2016

Eu não posso acreditar que era Kyouka-san no capítulo final de Kochikame! Hoorray para ligações de telefone misteriosas!

—Kaiu -Edição 44 de 2016

Muito obrigado pela página colorida central! Eu me tornei muito  mais rápido desenhando! Eu quero ultrapassar a velocidade do som!

—Posuka - Edição 45 de 2016

Ouvir "Wild Challenger" realmente me anima.

—Kaiu - Edição 46 de 2016

Já é quase Halloween! Festa todo dia! Vamos festejar!

—Posuka - Edição 47 de 2016

Eu realmente gosto do biscoito sem ossos "Peixe Ottotto". A textura faz toda a diferença. Sempre que o vejo me sinto feliz!

—Kaiu - Edição 48 de 2016

Eu estou procurando um meio de me reencontrar com a sereia que conheci quando estava quase dormindo.

—Posuka - Edição 49 de 2016

Eu estou assistindo Fear the Walking Dead, e é muito interessante! Muito obrigado a todos vocês!

—Kaiu - Edição 50 de 2016

O Artbook vai sair no final do mês! Nós também estamos tendo uma exibição na Tokyo Area, então venha de qualquer jeito!

—Posuka - Edição 51 de 2016

Nosso primeiro volume sai essa sexta! Nós colocamos vários extras nele, então deem uma chance!

—Kaiu - Edição 52 de 2016

Finalmente, o volume está a venda! Nós realmente colocamos várias coisas nele então por favor dê uma olhada! Minha exibição solo também está em sessão.

—Posuka - Edição 01 de 2017

O Show Mando Kobayashi da Fuji TV possui uma premiação sobre mangás, e nós vencemos o tão antecipado prêmio de séries novas! Estou tão feliz! Estamos trabalhando duro para sermos dignos disso!

—Kaiu - Edição 02-03 de 2017

Volumes 2 e 3 da HQ serão lançados em todos os outros meses! Tem várias coisas que pretendo desenhar e estou realmente esperando por isso!

—Posuka - Edição 04-05 de 2017

Tenham um feliz ano novo! Eu comprei uma edição de uma coletânea de artworks do Demizu-Sensei. A arte obviamente é ótima, mas eu também gostei muito do posfácio.

—Kaiu - Edição 06 de 2017

Se eu pudesse andar em linha reta no ar, eu imagino o quão longe eu teria que ir até ficar satisfeito.

—Posuka - Edição 07 de 2017

Uma capa! Muito obrigado! Eu vou continuar trabalhando duro para que assim possamos continuar a ter diversão juntos!

—Kaiu - Edição 08 de 2017

Eu conheci tantas pessoas na festa de ano novo! Vou fazer vários novos amigos!!!

—Posuka - Edição 09 de 2017

O Volume Nº 2 já está a venda, e está fantástico, pensa! Isso deve se tornar a nossa herança de família! Muito brigado, Akimoto-sensei!

—Kaiu - Edição 10 de 2017

Você já pegou o segundo volume? Nós já começamos a trabalhar no terceiro! Esperamos que aproveitem!

—Posuka - Edição 11 de 2017

Nós estamos ainda no Volume 2 e as pessoas já decifraram a regra por trás dos números e descobriram o ID da fazenda de humanos! Fantástico!

—Kaiu - Edição 12 de 2017

Máquinas quebradas continuam ligando e desligando, quase como se estivesse vivas. Meu amor e afeto por vocês pode estar transbordando, mas sinto muito, eu ainda jogarei vocês fora.

—Posuka - Edição 13 de 2017

Eu perco borrachas o tempo todo, e isso é um pouco problemático. Próxima semana, Norman irá aparecer. Não perca!

—Kaiu - Edição 14 de 2017

Março chegou, e com ele vem a Primavera! Parece que, pelo menos dessa vez, eu vou conseguir passar o inverno todo sem pegar um resfriado!! Huzzah!

—Posuka - Edição 15 de 2017

Posição no Table of ContentsEditar

CuriosidadesEditar

  • Desde o início do processo de criação, a protagonista era uma personagem feminina.
  • Segundo Shirai, o Arco de Fuga de Grace Field House terminará nos volumes 3-4. Ele diz não saber como será, mas que quer muito ir pro próximo arco.
  • A ambientação e história do mundo exterior tem ligação com o título da série, "The Promised Neverland".
  • O título do mangá era, originalmente, para ser apenas Neverland, mas como a tal "Terra do Nunca" seria um lugar melhor que Grace Field House, Shirai resolveu alterar o título da série.
  • Trechos do mangá aparecem durante a música Weekly Shonen Jump, do RADWIMPS.
  • Em uma votação feita no site Anime! Anime! sobre quais mangás deveriam ganhar um anime - incompletos ou encerrados -, a série ficou em 9º lugar na categoria "Incompletos".

ReferênciasEditar

  1. http://imgur.com/a/NsyjQ